BICHECTOMIA: COMO AFINAR O SEU ROSTO

Data: 06/03/2015

Autor: Comunicação Dr.Tiago


Deixar as maçãs do rosto mais evidentes e um aspecto mais alongado à face, como as de Angelina Jolie, é possível com a Bichectomia, nome dado ao procedimento para reduzir o volume das bochechas. A indicação é a estética, cujo objetivo é fazer o rosto tornar-se mais fino, com bochechas menores.

Ideal para quem quer dar um aspecto mais alongado para o rosto e destaque para os ossos da face, a Bichetomia é uma opção de tratamento cada vez mais comum no Brasil. Nos Estados Unidos já é rotineiro.

O procedimento ganha este nome, pois caracteriza-se pela remoção da “Bola de Bichat”, um tecido gorduroso que localiza-se entre os músculos da mastigação, nas laterais da face.

Este procedimento é realizado por um Cirurgião Buco-Maxilo-Facial, com anestesia local, com ou sem sedação, ou mesmo com anestesia geral, a depender do consenso entre cirurgião – paciente.

A Bichectomia é feita por meio de uma pequena incisão (de 1 a 2 cm) dentro de cada lado da boca, próxima ao siso superior, não deixando cicatrize aparente. O procedimento dura cerca de 40 minutos e o tempo de recuperação depende de cada paciente, mas, em geral, leva de dois a quatro dias.

Algumas pessoas apresentam um volume maior de gordura na face, sendo a cirurgia recomendada para estes casos.
As pessoas que passam por essa cirurgia devem optar por alimentos macios e gelados (sorvetes, gelatinas, vitaminas, purês, sucos) nos dois primeiros dias, além de manter a higiene bucal com uso de antisséptico, gelo na área das bochechas e deve evitar esforço físico e ambientes quentes.

O pós-operatório é feito em casa, sem a necessidade de internação.

É o que fizeram as famosas Angelina Jolie e Megan Fox: afinaram a silhueta da face. Quando a mulher tem maçãs muito destacadas, vale a pena investir nesse tipo de procedimento.

Agende uma consulta com o Dr. Tiago Tavares e seja bem vindo (a)!

Voltar

OUTRAS POSTAGENS

Cirurgia Ortognática

Cirurgia ortognática

Cirurgia Ortognática é o procedimento realizado por Cirurgiões-Dentistas especialistas em Cirurgia Buco-Maxilo-Facial, para correção dos maxilares e dentes.

É indicada nas situações em que o paciente não possui o encaixe correto dos dentes (Má oclusão dentária) e ao mesmo tempo possui a maxila ou a mandíbula muito para frente ou muito para trás.
Características transmitida geneticamente originam um queixo longo ou curto demais.

A correção estética e principalmente funcional dos maxilares é o principal objetivo da cirurgia ortognática. O aparelho ortodôntico deve ser utilizado antes e após a cirurgia.

Agende uma consulta com Dr. Tiago Tavares para avaliação específica do seu caso.

Mentoplastia. Cirurgia para aumentar ou ...

Mentoplastia.
A indicação da cirurgia é para corrigir defeitos estéticos ou funcionais. Podendo envolver correção de assimetrias e também no auxílio do tratamento da apnéia do sono.

O planejamento é diferente para homens e mulheres, sendo levado em conta o formato do rosto e padrões de etnias. A posição do lábio inferior e a ponta do queixo são alteradas com a mentoplastia, proporcionando um perfil de face mais harmônico e equilibrado.

O procedimento é indicado quando ocorre a finalização completa do crescimento do paciente.

A maior vantagem da Mentoplastia feita por um Cirurgião BucoMaxiloFacial é que os tecidos do próprio paciente são reposicionados, sem a necessidade de inserir uma prótese de silicone ou metacrilato. Isto proporciona ao paciente um novo perfil de face com mais naturalidade.

Para saber mais informações, agende uma consulta com Dr. Tiago Tavares para avaliação específica do seu caso.

Cirurgia ortognática.

O procedimento cirúrgico visa a fazer uma correção das alterações faciais e dar mais qualidade de vida para os pacientes. “Orto” vem de correto, e “gnatos” significa maxilares. As melhorias vão além da estética: a mordida do paciente também melhora.
Esse procedimento ajuda a obter o equilíbrio anatômico do rosto.
Como funciona a cirurgia ortognática?
• Ela busca o equilíbrio anatômico da face.
• É indicada quanto o aparelho ortodôntico não consegue reparar um problema.
• Corrige deformidades ocasionadas por anomalias.
• O trabalho tem início com a ortodontia, antes de ser encaminhado para a cirurgia.
• São feitos exames detalhados para avaliar o problema do paciente.
• Pacientes a partir de 17 anos de idade podem realizá-la.