Cirurgia Ortognática utilizando Piezocirurgia

Data: 29/01/2013

Autor: Comunicação Dr. Tiago Tavares

Para a realização do procedimento de cirurgia ortognática, é necessário o corte preciso e milimétrico do tecido ósseo, denominado de osteotomias. Isto se dá uma vez que os maxilares devem ser posicionados corretamente conforme o planejamento cirúrgico. O método utilizado antigamente para a realização de tal fato era o cinzel e o martelo. Posteriormente utilizou-se as brocas. Com o avanço surgiram as microserras. Atualmente estudo comprovam que a Piezocirurgia é a técnica mais moderna, precisa e delicada para a realização das osteotomias (cortes ósseos).

A principal vantagem da Piezocirurgia é que, uma vez em contato com tecidos moles, o dispositivo cessa sua atividade, preservando totalmente a integridade de vasos e nervos.

Ao utilizar serras comuns ou brocas em osteotomias, há necessidade de se aplicar pressão, mesmo que discreta, para que se obtenha o corte, implicando em certo grau de aquecimento, tanto do osso quanto dos tecidos moles adjacentes. O corte piezelétrico não deve utilizar pressão, pois o excesso de força sobre o instrumento interrompe a sua atividade sobre o osso.

Uma vez que não lesa tecidos moles, o dispositivo reduz sensivelmente o sangramento durante as intervenções cirúrgicas, melhorando a visibilidade durante o procedimento e diminuindo fenômenos inflamatórios indesejáveis, como edema e dor.

O aparelho atua com suavidade, precisão micrométrica e com qualidade comprovadamente superior à das serras oscilatórias convencionais - que utilizam macrovibrações ou brocas cirúrgicas.

A Piezocirurgia traz uma série de benefícios, incluindo: precisão, segurança, reduz traumas porque há menor chance de aquecimento, de remoção de estrutura óssea e edemas; e possibilita um curto prazo de recuperação.

Ao realizar cirurgias ortognática, o Dr. Tiago Tavares utiliza a técnica descrita acima – Piezocirurgia, proporcionando aos seus pacientes as vantagens da biotecnologia sempre em evolução. Agende sua consulta e seja bem vindo(a)!

Voltar

OUTRAS POSTAGENS

Cirurgia Ortognática

Cirurgia ortognática

Cirurgia Ortognática é o procedimento realizado por Cirurgiões-Dentistas especialistas em Cirurgia Buco-Maxilo-Facial, para correção dos maxilares e dentes.

É indicada nas situações em que o paciente não possui o encaixe correto dos dentes (Má oclusão dentária) e ao mesmo tempo possui a maxila ou a mandíbula muito para frente ou muito para trás.
Características transmitida geneticamente originam um queixo longo ou curto demais.

A correção estética e principalmente funcional dos maxilares é o principal objetivo da cirurgia ortognática. O aparelho ortodôntico deve ser utilizado antes e após a cirurgia.

Agende uma consulta com Dr. Tiago Tavares para avaliação específica do seu caso.

Mentoplastia. Cirurgia para aumentar ou ...

Mentoplastia.
A indicação da cirurgia é para corrigir defeitos estéticos ou funcionais. Podendo envolver correção de assimetrias e também no auxílio do tratamento da apnéia do sono.

O planejamento é diferente para homens e mulheres, sendo levado em conta o formato do rosto e padrões de etnias. A posição do lábio inferior e a ponta do queixo são alteradas com a mentoplastia, proporcionando um perfil de face mais harmônico e equilibrado.

O procedimento é indicado quando ocorre a finalização completa do crescimento do paciente.

A maior vantagem da Mentoplastia feita por um Cirurgião BucoMaxiloFacial é que os tecidos do próprio paciente são reposicionados, sem a necessidade de inserir uma prótese de silicone ou metacrilato. Isto proporciona ao paciente um novo perfil de face com mais naturalidade.

Para saber mais informações, agende uma consulta com Dr. Tiago Tavares para avaliação específica do seu caso.

Cirurgia ortognática.

O procedimento cirúrgico visa a fazer uma correção das alterações faciais e dar mais qualidade de vida para os pacientes. “Orto” vem de correto, e “gnatos” significa maxilares. As melhorias vão além da estética: a mordida do paciente também melhora.
Esse procedimento ajuda a obter o equilíbrio anatômico do rosto.
Como funciona a cirurgia ortognática?
• Ela busca o equilíbrio anatômico da face.
• É indicada quanto o aparelho ortodôntico não consegue reparar um problema.
• Corrige deformidades ocasionadas por anomalias.
• O trabalho tem início com a ortodontia, antes de ser encaminhado para a cirurgia.
• São feitos exames detalhados para avaliar o problema do paciente.
• Pacientes a partir de 17 anos de idade podem realizá-la.