Cirurgia do Siso

A remoção do dente do siso é um procedimento simples, rápido e de rotina em um consultório com cirurgião bucomaxilofacial. Uma radiografia panorâmica geralmente é suficiente para realização do procedimento. Os dentes do siso podem estar inclusos ou erupcionados.

Quanto mais jovem o paciente for submetido a este procedimento melhor é a recuperação no pós-operatório.

Os cuidados no pós-operatório incluem repouso relativo, dieta pastosa e fria, evitar esforço físico por dois dias e uso de medicamentos conforme prescrição.

Dependendo da profissão do paciente, seu retorno às atividades pode se dar em três dias. A remoção dos pontos se faz sete dias após a cirurgia.

Agende uma consulta com Dr. Tiago Tavares para avaliação específica do seu caso.

ENTRAR EM CONTATO
Cirurgia do Siso

Próximo / Anterior

1) Os dentes do siso sempre nascem?

Estes dentes também são chamados de terceiros molares (cientificamente) ou mesmo por dentes do juízo (popularmente). Geralmente erupcionam (nascem) por volta dos 17 aos 21 anos de idade, caso contrário, permanecem inclusos - por falta de espaço - impedindo sua erupção.

2) Quantos sisos existem nos meus maxilares?

Existem um total de quatro sisos, sendo dois superiores e dois inferiores.

3) Quais problemas possivelmente surgirão se não extrair (remover) os meus sisos?

Pericoronarite - Infecção / inflamação da gengiva que recobre o siso, por acúmulo de bactérias.

Cáries dentárias - As bactérias entram em contato e acumulam em regiões de impossível higienização.

Reabsorção radicular do dente vizinho - Os folículos embrionários possuem a capacidade de pressionar e absorver (destruir) o dente vizinho.

Cistos e tumores odontogênicos - A degeneração dos tecidos embrionários podem sofrer degenerações císticas e tumorais.

Prevenção da dor de origem desconhecida - Havendo a exclusão de outras causas aparentes de dores orofaciais, os sisos podem estar envolvidos nestes quadoros dolorosos.

Prevenção da fratura da mandíbula - Um siso incluso ocupa uma região que deveria ser ocupada por osso, causando um relativo enfraquecimento do osso mandibular.

Facilitação do tratamento ortodôntico - Após a conclusão do tratamento ortodôntico, os sisos poderão "empurrar" os dentes inferiores, apinhando-os (entortando-os).

Otimização da saúde periodontal - Favorece a saúde gengival por permitir acesso a escovação, fio dental e impossibilitar a proliferação de bactérias.

4) Quanto tempo demora a cirurgia para remoção dos sisos?

Com o desenvolvimento de técnicas inovadoras, materiais específicos e medicações prescritas antes e após a cirurgia, o tempo cirúrgico tem reduzido consideravelmente e os pacientes relatam conforto pós-operatório.